Dá para ser muito feliz consumindo menos

Category Archives: comportamento

125. Vida louca, vida linda

Parece que toda a diversidade humana resolveu visitar a solitária jardineira que cuidava de uma horta na Avenida Paulista em plena terça-feira à tarde.

122. A Revolução da Comida chegou!

Food Revolution Day, o “feriado” que o cozinheiro inglês Jamie Oliver inventou, é nessa sexta-feira, 17 de maio. Veja como e por que é importante participar do movimento.

110. Os saquinhos de supermercado e a Rio+20

Se quase ninguém está disposto a sair da zona de conforto, como faremos as mudanças de estilo de vida necessárias para criar uma sociedade sustentável?

100. Isso é férias?

Falta de preparo para lidar com a chuva causa tragédias. Esgoto polui praias. Superlotação atrapalha passeios. Guardei a mala e agora quero aproveitar muito o verão sem sair da metrópole.

99. Permacultura: o que é isso?

Mistura de ciências, tecnologias e filosofias de vida, a permacultura é recente. O termo foi inventado pelos australianos Bill Mollison e David Holmgren em1974 apartir da contração de “permanent” e “agriculture”. Tratava-se, a princípio, de uma série de práticas ecológicas de plantio. Logo o conceito passou a englobar bioconstrução, produção local de energia, manejo de água e aspectos comportamentais, tornando-se “cultura da permanência”.

No mundo todo, a comunidade de permacultores está crescendo. Já somos milhares de seres humanos por aí em diferentes estágios do processo individualizado e/ou comunitário de descobrir como viver seguindo esses quatro princípios:

1 – Cuidado com o planeta

2 – Cuidado com as pessoas

3 – Partilha dos excedentes (inclusive conhecimentos)

4 – Limite ao consumo

95. Occupy serviços públicos

Ótimo atendimento no Posto de Saúde de Pinheiros me anima a jogar fora o preconceito e pesquisar melhor o que o Estado oferece antes de apelar para opções privadas.

72. Quero só um abraço

Para que mesmo existe Dia das Mães, dos Pais, dos Namorados, das Crianças, da Secretária? Adoro meus filhos, mas dispenso os presentes. Prefiro receber “só” carinho. E sem data marcada.

70. Páscoa sem ovo kitsch e sem coelho

Overdose de guloseimas com qualidade duvidosa e animais abandonados nada têm a ver com o verdadeiro sentido dessa festa, que tem origem em rituais agrícolas do passado longínquo.

53. Casas com alma

Passeando com o mouse, descobri lugares que dão vontade de entrar, tirar os sapatos e passar a madrugada filosofando e tomando vinho na mesa da cozinha. Decoração ecológica é algo que vem de dentro.

46. As coisas têm conserto

Será que o hábito de jogar fora tudo o que quebra faz desistir de restaurar nós mesmos e os nossos relacionamentos?

Simplesmente

Dá para ser muito feliz consumindo menos.

Visitantes no blog

  • 439468Visitas:

RSS

Assine este feed

Posts por categoria